27/09/2017 Bruna Rabboni

Buffet de casamento – Quais são os tipos de recepção, afinal?

Planejar um casamento envolve desde os detalhes das lembrancinhas, até os itens mais importantes como local e buffet. Para decidir cada um desses itens os noivos devem levar em consideração alguns pontos importantes, como gosto pessoal, estilo da recepção, faixa etária dos convidados e orçamento disponível. O buffet é, sem dúvidas, um dos custos mais altos na organização de um casamento. Por isso, fizemos um post para te mostrar quais as opções que vocês têm antes de decidir.

O quê vocês precisam considerar

A primeira coisa que vocês precisam pensar é se será almoço ou jantar. Se vocês optarem por casar no campo ou praia, aproveitar a luz do dia é sempre uma ótima opção! Outra questão importante antes de decidir o estilo de buffet é se será uma recepção mais tranquila ou se vocês estão pensando em um festa animada e que dure mais de 4 horas, por exemplo.

Sabemos que são muitos pontos a serem pensados e, por isso, preparamos um guia com os estilos de recepção e no que eles se adequam mais.

Tipos de serviços

jantar

  • Serviço à francesa – sem dúvidas é a opção mais refinada desta lista. Embora possa ser utilizada em todas as recepções, ela é especialmente recomendada em casos onde há muitos convidados de faixa-etária mais elevada. Afinal, receber os pratos prontos (e divinamente montados) em suas mesas, é muito mais confortável. Porém, lembre-se de que é necessário ter a disposição das mesas e a postura da equipe do buffet perfeitamente alinhados com este tipo recepção. Tudo deve ser perfeito e requintado;
  • Serviço à inglesa – uma escolha também muito elegante, porém um pouco mais prática. O sistema à inglesa funciona da seguinte forma: os garçons passam pelas mesas (com bandejas ou carrinhos) e servem os convidados, que aguardam comodamente em seus lugares. Assim como no buffet à francesa, este é muito indicado para festas mais tranquilas e com convidados com maior dificuldade de locomoção;

BUFFET-DE-CASAMENTO-3

  • Serviço à americana – este é o serviço que encontramos com mais frequência nos casamentos. Ele permite que a recepção seja mais dinâmica e que a pista de dança esquente mais cedo. O sistema consiste em mesas  localizadas estrategicamente para não atrapalhar o fluxo dos convidados, onde os pratos ficam em rechauds aquecidos e os convidados se dirigem até elas com seu pratos e se servem com o auxílio dos garçons;
  • Finger Foods – muito apropriada para casamentos repletos de convidados jovens, em que o objetivo dos noivos é fazer todos dançarem do início ao fim! Sem dúvidas é a opção que oferece mais praticidade e movimento à festa e garante que todos fiquem satisfeitos sem ter que parar. Vale lembrar que, além de poder ser escolhida como serviço principal, os finger foods também podem acompanhar os sistemas acima, antes dos jantares e também algumas horas após os pratos principais, garantindo que todos tenham energia para a festa inteira.

cardapio-coquetel-para-casamento

Tagged: ,

FALE COM OS SANTOS!